Connect with us

Jovem Aprendiz

Processo Seletivo para jovem aprendiz é anunciado em Diamante D’Oeste

Artigo

em

Processo Seletivo para jovem aprendiz é anunciado em Diamante D'Oeste - PR

No estado do Paraná, a Prefeitura de Diamante D’Oeste, divulgou nesta sexta-feira (13) a abertura das inscrições de um novo Processo Seletivo, destinado ao preenchimento de seis vagas para jovem aprendiz, bem como a formação de cadastro reserva.

LEIA TAMBÉM

Para participar, é necessário que os candidatos estejam matriculados em escola pública ou já tenham concluído o ensino médio, ou, com idade de 15 a 18 anos, estar matriculado, no mínimo, no nono ano do ensino fundamental, dentre outros requisitos específicos que constam no edital. Os estudantes selecionados serão beneficiados com um salário mínimo estadual/hora, referente a carga horária de 20 horas semanais, distribuídas em quatro horas diárias para o exercício de suas funções.

Procedimentos para participar

Os interessados devem se inscrever no período de 23 a 27 de maio de 2022, das 8h às 11h30 e das 13h30 às 16h, exclusivamente de forma presencial, no Centro de Referência de Assistência Social (Cras).

Como critério de seleção, os candidatos inscritos serão avaliados mediante análise da documentação, entregue no ato de inscrição. Em caso de igualdade na classificação final, serão considerados os seguintes critérios de desempate:

  • Maior média escolar do ano de 2021 ou do último ano concluído;
  • Em caso de empate será avaliado o maior índice de frequência escolar no ano de 2021 ou do último ano concluído;
  • Maior idade

Jovem Aprendiz

Jovem Aprendiz: EDP abre vagas em SP; confira

Artigo

em

Por

Empresa distribuidora de energia oferece vagas de Jovem Aprendiz para pessoas com idade entre 18 e 23 anos. O programa vai atender a população de Mogi das Cruzes e Taubaté; saiba como participar.

Jovem Aprendiz: EDP abre vagas em SP; confira
Jovem Aprendiz: EDP abre vagas em SP; confira (Imagem: FDR)

A distribuidora de energia elétrica do Alto Tietê e Vale do Paraíba, EDP, está com inscrições abertas para o Programa Jovem Aprendiz em Mogi das Cruzes e Taubaté.

LEIA TAMBÉM

No programa os contratados terão acesso a um curso de aprendizagem que é voltado à área em que vão atuar na empresa, Eletricista de Redes de Distribuição de Energia Elétrica, e é oferecido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI).

Jovem Aprendiz EDP

50% das vagas são destinadas as pessoas negras; todas as etapas de seleção acontecerão virtualmente, medida adotada para preservar a saúde dos candidatos.

Ao todo, os aprendizes terão contrato com duração de 12 meses com uma carga horária total de 800 horas, sendo 20 horas semanais. Os estudantes serão contratados em regime CLT por prazo determinado, receberão salário e benefícios durante o período do curso, ganharão um certificado emitido pelo SENAI e permanecerão no banco de talentos da EDP.

Os benefícios incluem 13º salário, férias remuneradas, vale transporte e outros direitos garantidos pela Lei da Aprendizagem.

O curso de aprendizagem vai acontecer nas sedes do Senai em Mogi das Cruzes e de Taubaté, a partir de Julho; são ao todo são 36 vagas, sendo 18 disponíveis para cada unidade.

Para participar é necessário atender a todos os requisitos listados abaixo:

  • Disponibilidade de horário para período integral;
  • Residir preferencialmente nas cidades de Mogi das Cruzes, Biritiba Mirim, Suzano, Ferraz de Vasconcelos, Poá, Itaquaquecetuba, Guararema, Guaratinguetá e Salesópolis;
  • Ter Ensino Médio completo;
  • Ter nascido entre 01/08/1999 à 19/07/2004.

Inscrições jovem aprendiz EDP

A inscrição deve ser realizada pelo site EDP até 03 de junho. O processo de seleção inclui prova de português e matemática, teste prático, entrevista. A seleção vai acontecer valorizando todos os gêneros, raça, deficiência e LGBTQIAP+.

Para saber mais sobre vagas de emprego, vestibulares e cursos, acompanhe a editoria de Carreiras do FDR.

MAIS LIDAS

Jamille Novaes

Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa, já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha como professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora da editoria de carreiras do portal FDR. Jamille utiliza sua experiência na área da educação para cobrir notícias sobre cursos, vestibulares, empregos e concursos.

Continue lendo

Jovem Aprendiz

Jovem Aprendiz sofre queda com pandemia, mas expectativa é retomada

Artigo

em

Por

Um dos desafios do jovem que precisa ingressar no mercado de trabalho é conseguir uma primeira oportunidade de emprego sem a exigência de experiência profissional. Graças ao programa para Jovem Aprendiz, sustentado por lei, é possível promover a inclusão no mundo corporativo e oferecer chances de desenvolver habilidades corporativas.

LEIA TAMBÉM

Porém, a pandemia de Covid-19 provocou uma queda na oferta de vagas para o programa em todo o Brasil. Segundo dados do Ministério da Economia, o número de aprendizes no país chegou a 460 mil em 2021. O valor representa uma recuperação, já que em 2020 o índice caiu para 372 mil jovens. Mas ainda está abaixo do registro pré-pandemia em que o número era pouco acima de 476 mil jovens.

Pela legislação brasileira, empreendimentos de médio e grande porte, com ao menos sete empregados desempenhando funções que exijam formação profissional, são obrigados a contratar o correspondente a, no mínimo, 5%, e, no máximo, 15%, de aprendizes.

Segundo Isana Tenório, Coordenadora de Educação do Senac, essa retomada passa por uma atualização do Programa Jovem Aprendiz.

“O programa passa por constante evolução e adequação às necessidades do mercado de trabalho e do jovem. Atualmente, estamos promovendo uma série de ajustes e melhorias para introduzir, de uma forma mais “orgânica”, as mudanças e inovações tecnológicas em nossos cursos.”

“Este é um dos principais requisitos do mercado e do próprio jovem, que vê o mundo em que vive cada vez mais permeado de tecnologia e é nosso papel trazer tudo isso em seu processo de aprendizagem.”

Além da tecnologia, a especialista afirma que o programa deve incluir em suas pautas a tratativa das questões sociais do Brasil, como redução da pobreza, promoção de acesso a uma educação de qualidade, bem como a valorização da cultura e destaques regionais.

Momento chave para a retomada

Jovem aprendiz — Foto: Divulgação SENAC Divinópolis

Para Isana, a contratação de aprendizes é peça central da retomada econômica e superação dos obstáculos da pandemia: “O programa de aprendizagem Comercial, desde sua criação, sempre teve um papel social importante na inserção do jovem no mercado de trabalho…”

“…Neste momento de retomada da econômica após praticamente dois anos de pandemia, o programa de aprendizagem tem ainda um papel mais significativo pois, se por lado, as empresas conseguem criar um ambiente de mais atraente para geração de oportunidades de trabalho, por outro lado o jovem também tem garantido um início de vida profissional mais estruturado, permitindo se capacitar e garantir a sua primeira renda, além gerar um efeito positivo em sua formação com indivíduo mais integrado e ativo na sociedade.”

Tales Abreu, de 22 anos, aproveitou esse momento de crescimento das ofertas para ingressar no programa, ministrado pelo Senac em Divinópolis:

“Eu comecei a fazer o curso em agosto do ano passado e já em abril fui efetivado na empresa. Me matriculei para fazer o curso enquanto desempenhava a função de auxiliar de TI, quero seguir o rumo nessa área. Durante o aprendizado, gostei de aprender mais sobre investimentos, disciplinas da área financeira, que trazem um diferencial na formação”, pontua.

Já Carlos Eduardo Silva, de 16 anos, optou por uma formação dupla: cursa a aprendizagem, trabalhando em um supermercado da região, e o Técnico em Administração. “Está sendo uma experiência incrível. Após quase um ano de curso técnico eu queria muito poder aplicar tudo que eu estava aprendendo na prática, vendo como aquilo realmente funciona e também era uma vontade muito grande minha de trabalhar.”

“Foi um bom processo de adaptação, até porque eu nunca tinha trabalhado formalmente na minha vida. Foi a primeira vez mesmo que tive carteira assinada. Algumas coisas que eu vejo no aprendizado no técnico posso aprofundar nessa nova experiência, o que tem sido muito proveitoso.” Explica.

Carlos Eduardo Silva é Jovem Aprendiz e aluno do curso Técnico — Foto: Arquivo SENAC Divinópolis

O Jovem Aprendiz faz parte do Programa Senac de Gratuidade, iniciativa de educação inclusiva da instituição, que busca levar educação profissional para pessoas de baixa renda. Em 2021, foram aproximadamente 13.500 aprendizes em todo estado, que atuaram profissionalmente me mais de 11 mil empresas parceiras.

Sobre o Senac em Divinópolis

O Senac em Divinópolis conta com 24 ambientes pedagógicos: 14 salas de aula e dez laboratórios para execução prática dos conteúdos, além do supermercado didático. Ao todo, cerca de 30 municípios são atendidos pela unidade como Arcos, Bom Despacho, Formiga, Itaúna, Oliveira, Pará de Minas e Santo Antônio do Monte.

A unidade está localizada na avenida Antônio Olímpio de Morais, 293 – Centro. Informações sobre todos os cursos ofertados no endereço comercial, pelo site www.mg.senac.br/ ou pelo WhatsApp (37) 3229-6400.

Continue lendo

Jovem Aprendiz

Estado do Rio tem 344 vagas para Jovem Aprendiz | Empregos & Negócios | O

Artigo

em

Por


Rio tem 344 vagas para Jovem AprendizIlustração da Internet

LEIA TAMBÉM
O Centro de Integração Empresa-Escola (Ciee/Rio) anunciou nesta sexta-feira (20) a abertura de 344 vagas para o programa de Aprendizagem da instituição. A oferta é destinada às pessoas de 18 a 22 anos que estão cursando o Ensino Médio ou já concluíram. Para realizar a inscrição, é preciso acessar o Portal Ciee.

Os candidatos podem tentar uma das vagas nos municípios do Rio de Janeiro, Teresópolis, Três Rios, Petrópolis, Nova Friburgo, Niteroi, Macaé, Duque de Caxias e Barra Mansa. Para participar, é necessário comprovar matricula e frequência na escola. A oferta termina assim que todas as vagas forem preenchidas.

O Ciee/Rio recomenda que os candidatos convocados para a seleção pesquisem sobre a empresa, testem os dispositivos que serão utilizados na seleção online, como microfone e câmera. Para que a entrevista não seja atrapalhada por ruídos externos, a instituição sugere que as pessoas procurem um local silencioso e adequado. Também é importante evitar atrasos, fazer uma boa apresentação pessoal, saber falar das suas qualidades e transmitir auto confiança, sem ser prepotente.

Ao longo da seleção, é preciso ficar atento aos canais de comunicação para receber informações e o resultado do processo.

Continue lendo
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

TAGS

+ VISTOS